Pesquisas científicas travam por falta de verbas

Diário Catarinense (Joana Colussi) Debruçados por mais de 20 anos no desenvolvimento de uma vacina contra o carrapato bovino, um dos principais problemas da pecuária brasileira, um grupo de pesquisa do Centro de Biotecnologia da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) chegou à fase derradeira do projeto: os testes de viabilidade comercial. Justamente agora, os pesquisadores não estão conseguindo fazer os experimentos a campo. Faltam recursos públicos. – Foram 25 anos de trabalho para chegarmos a um produto, único no mundo – diz Itabajara Vaz, professor do Laboratório de Imunologia Aplicada à Sanidade Animal da UFRGS. A única vacina contra a praga disponível no mercado...

Leia mais

INCTs: o que vamos dizer às próximas gerações de brasileiros?

Jornal da Ciência (Vanderlan Bolzani, vice-presidente da SBPC) Talvez não existam muitos exemplos, entre as nações civilizadas, de países que tenham decidido destruir seu patrimônio intelectual e científico. Mas estamos hoje, sem dúvida, no Brasil, fazendo essa opção: os governantes, com suas decisões, e a sociedade, sem reação pela falta de informação sobre o que está ocorrendo na área de ciência e tecnologia. Ilustração gritante dessa destruição é a situação dos Institutos Nacionais de Ciência e Tecnologia (INCTs), criados em 2008, nos quais foi investido até agora cerca de R$ 1,5 bilhão*. Redes de pesquisa voltadas para temas estratégicos, os atuais 101 INCTs foram criados e...

Leia mais
Loading

Notícias

Receba nossa Newsletter

Redes sociais