O Acordo Verde da Comissão Europeia, contém 50 medidas, incluindo uma meta legal de reduzir as emissões da União Europeia para zero até 2050

Criada nos EUA, primeira rede nacional que usa resíduos de fazendas de laticínios e converte metano em gás natural
A Dominiom Energy e a Vanguard Renewables anunciaram, no último dia 11, parceria estratégica, com recursos de US$ 200 milhões, para converter metano das fazendas de laticínios dos EUA em gás limpo, natural e renovável, que pode ser usado como fonte de energia para residências, empresas e combustível para veículos. Segundo o texto de divulgação das empresas, vários projetos estão em andamento nos estados da Georgia, Nevada, Colorado, New Mexico e Utah. Nos termos da parceria estratégica, a Dominion vai obter os projetos e comercializar o gás, enquanto a Vanguard Renewables vai projetar desenvolver e operar os projetos. A iniciativa pretende reduzir as emissões de gás de efeito estufa das fazendas norte-americanas em volumes equivalentes à retirada de 100 mil veículos das estradas ou à plantação de 7,5 milhões de novas árvores por ano.
Veja aqui o press release da Vanguard Rewables e
aqui o artigo da Bioofuel Digest.

Presidente da Comissão Europeia compara Green New Deal elaborado para a Europa ao pouso do homem na Lua
A presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, anunciou no último dia 11, o lançamento do plano para o Acordo Verde Europeu (European Green Deal), com a promessa de desenvolver um quadro regulatório para plásticos biodegradáveis e plásticos de base biológica. O Acordo Verde da Comissão Europeia, contém 50 medidas, incluindo uma meta legal de reduzir as emissões da União Europeia para zero até 2050; um imposto sobre carbono nas fronteiras para impedir que empresas se mudem para evitar a legislação climática e uma nova lei sobre ações climáticas.
“Este é o momento europeu do homem na Lua”, disse von der Leyen. “Nosso objetivo é reconciliar a economia com nosso planeta, reconciliar a maneira como produzimos e a maneira como consumimos com o planeta e fazer isso funcionar para nossos povos”.
Veja aqui a matéria da BioMarket Insights